Projeto Escolab inaugura conceito de espaços smart em escolas municipais do Brasil

 

Projeto Escolab inaugura conceito de espaços smart em escolas municipais do Brasil

EXAME – 01/07/2016

“O SmartLab é o que há de mais inovador na área de educação no Brasil!”, comenta Antônio Carlos Peixoto de Magalhães Neto, prefeito de Salvador.

A inauguração da unidade Subúrbio (Rua da Lagoa, Coutos – próximo ao Hospital João Batista Caribé) do projeto Escolab – Escolas Laboratórios, realizada nesta quinta (30/06), representa o marco inicial do projeto pedagógico inovador para a educação de tempo integral no município. Esta unidade atenderá no contraturno, quatro escolas do entorno: Colina do Mar, Alto de Coutos, Oito de Maio e Cid Passos. Trata-se de uma escola com foco na utilização da experimentação, ludicidade, tecnologia da informação e comunicação, bem como na colaboração entre os educandos e educadores.

O projeto, realizado em parceria com o Google e a SmartLab, vai permitir, dentre outras coisas, o exercício da inovação; o protagonismo discente e docente; a articulação do trabalho educativo com a identidade local; apoio social aos alunos e familiares, e o fomento à convivência. Cada unidade do projeto terá um núcleo social, um núcleo de Altas Habilidades e Superdotação, atendimento educacional especializado, articulação com a Secretaria Municipal de Saúde, e uma sala de Experimentação Artística, que será aberta à comunidade, inclusive nos finais de semana. No caso da unidade Subúrbio, os estudantes poderão contar ainda com o Museu da Criança.

Com investimento de R$6 milhões para as unidades inaugurais – Subúrbio e Boca do Rio (ainda a ser inaugurada) – o projeto atenderá a cerca de dois mil alunos do ensino Fundamental I e II com atividades que envolvem práticas esportivas, experimentação científica, experimentação artística, jogos de raciocínio lógico, jogos de linguagem e cultura global, proporcionando a interação entre diversos saberes.

Com o objetivo de reunir diversas fontes de conhecimento em uma única ferramenta de acesso único, os espaços oferecerão conteúdos curriculares, ferramentas Google for Education, além das competências ligadas ao desenvolvimento das habilidades do século 21.

Os espaços maker (salas) estão equipados com tablets, onde o trabalho pedagógico será apoiado por conteúdos produzidos especificamente para esse aparelho; impressora 3D, onde o aluno fará o digital virar realidade ao criar, de forma lúdica, objetos de aprendizagem com diferentes tamanhos e geometrias, das mais simples até as mais complexas; além de projetos de aprendizagem e computadores de última geração.

A implementação do projeto Escolab oferecerá uma curadoria profissional, assim como atualização dos melhores conteúdos, suporte contínuo, formação para os mediadores da plataforma. Além dos melhores parceiros educacionais, como o Google Apps for Education, Google Cultural Institute, 3D Criar, Pandora Lab, Britannica Ciências, Young Digital Planet, Xmile Learning, Elefante Letrado, Avalia Educacional, Guten News, Professores de Plantão, Árvore de Livros, 10monkeys, Tamboro, Kikora, CodeMonkey, Common Sense Media, Plinks e Educare.